Doação de medula óssea

   O Transplante de Medula Óssea (TMO) é a única esperança de cura para muitos portadores de leucemias e algumas outras doenças do sangue.
   Qualquer pessoa com boa saúde, que tenha entre 18 e 55 anos, pode ser um doador de medula óssea. O procedimento é realizado em centro cirúrgico, sob anestesia peridural ou geral, e requer internação por um mínimo de 24 horas. Nos primeiros três dias após a doação pode haver desconforto localizado, de leve a moderado, que pode ser amenizado com o uso de analgésicos e medidas simples. Normalmente, os doadores retornam às suas atividades habituais depois da primeira semana.
   Existe outra forma de obtenção das células-tronco da medula óssea, que utiliza uma máquina específica (aférese) para separar do sangue periférico (corrente sanguínea), as células necessárias para o transplante. Neste caso, o doador tem que receber um medicamento antes da doação (fator de crescimento), que estimula a medula óssea a liberar estas células para a corrente sanguínea. Esta técnica só é utilizada em casos específicos, sob decisão médica e com consentimento do doador.

Cadastro
   Para se cadastrar, basta vir ao Hemonúcleo Regional de Jaú ou hemocentro mais próximo, preencher uma ficha com dados pessoais e coletar uma amostra de sangue. As informações e dados genéticos são registrados em um banco nacional, para cruzamento com os dados de pacientes que precisam da doação de medula. Se houver compatibilidade, a pessoa será convidada para realizar exames e efetuar a doação.

Contato
Hemonúcleo Regional de Jaú

Telefone: (14) 3602-1355
Endreço: Rua Dona Silvéria, 150 - Jaú, SP
Atendimento de segunda a sexta-feira, das 7h30 às 13h, e sábado, das 7h30 às 12h.