03/10/2013 - Ex-paciente do Hospital Amaral Carvalho faz doação à instituição

   Há pouco mais de um ano, Raphael Dornellas Toscano (17), após sentir algumas coceiras pelo corpo e um inchaço repentino no pescoço, procurou atendimento médico e descobriu que tinha uma doença que se desenvolve nas células linfáticas, como ele mesmo especifica “linfoma difuso de grandes células B”.
   Apesar da pouca idade, o jovem conta que lidou bem com a descoberta e foi à luta. “Comecei o tratamento no Hospital Amaral Carvalho (HAC). Fiquei preocupado, mas, por incrível que pareça, não me abalei. Sabia que ia conseguir vencer a doença, que Deus estava do meu lado.”
   A primeira sessão de quimioterapia ocorreu em setembro de 2012. Raphael salienta que foi muito bem acolhido no hospital. “Não tenho palavras para descrever como fui bem tratado pela equipe. A gente vê pessoas de diferentes lugares do País dando boas referências do HAC, é bizarro isso”, disse.
   “Bizarro, é bem o palavreado de adolescente”, brinca o hematologista Marcos Augusto Mauad, enquanto acompanha a entrevista. Mas, o médico também faz uma importante ressalva: “O Raphael teve uma atitude que reflete o que os jovens brasileiros querem hoje em dia, que é participar. Eles se empenham por causas que consideram nobres e isso é louvável.”
   O elogio de Mauad ao rapaz se deve ao fato dele ter organizado uma campanha em prol do HAC. “Estava quase completando um ano desde a minha primeira quimio e pensei em ajudar de alguma forma o hospital que me ajudou quando precisei”, lembra Raphael.
   A campanha começou na rede social Facebook e em cerca de dois meses uma boa quantia tinha sido arrecadada. Em vez de doar o valor ao HAC, o jovem decidiu doar um bem durável e que beneficiasse os pacientes. No dia 1 de outubro, Raphael e seus pais visitaram o hospital e doaram uma TV LED (adquirida com o dinheiro da campanha) que será destinada ao setor de Aférese, onde pacientes recebem plaquetas, para que se distraiam durante o processo que é um pouco demorado.
   “O conceito de que a estrutura de saúde que temos é para todos nós, é muito importante, e a participação do Raphael demonstra que ele é  um jovem com espírito de cidadania muito acurado e isso só nos enche de alegria”, comenta Mauad.

Dr. Marcos Augusto Mauad e Raphael Dornellas Toscano
 

Autor: Ariane Urbanetto