2/9/2019 - SETEMBRO DOURADO: HOSPITAL AMARAL CARVALHO DESTACA A IMPORTÂNCIA DO DIAGNÓSTICO PRECOCE PARA O AUMENTO DOS ÍNDICES DE CURA

   Setembro é o mês escolhido para intensificar a conscientização sobre a importância do diagnóstico precoce do câncer infanto-juvenil, representado mundialmente pelo símbolo do laço dourado. É a campanha Setembro Dourado. E o Hospital Amaral Carvalho, de Jaú, referência nacional no tratamento de câncer, também está presente nesta campanha. Atualmente,o câncer infanto-juvenil representa de 1% a 3% de todos os casos de câncer diagnosticados, segundo estimativa do Instituto Nacional do Câncer (INCA), com a ocorrênciade mais de 12 mil novos casos ao ano na faixa etária de zero a 19 anos. Os tipos mais frequentes são as leucemias, os tumores do sistema nervoso central e os linfomas.
   O Hospital Amaral Carvalho (HAC) apoia a campanha Setembro Dourado, com foco na conscientização sobre o câncer infantojuvenil e a importância do diagnóstico precoce da doença. A oncopediatra Larissa Polis Moreira, responsável pelo setor de pediatria do Hospital Amaral Carvalho, explica que apesar de ser a primeira causa de morte por doença entre crianças e adolescentes (de 1 a 19 anos), o câncer tem altas chances de cura se detectado logo no início. ‘A cada ano, os índices de sucesso têm aumentado, graças à busca cada vez maior da detecção precoce da doença e também ao tratamento em centros especializados. Por esse motivo, a campanha Setembro Dourado é de fundamental importância para um aumento da conscientização de pais e também dos profissionais de saúde que fazem o atendimento básico’, afirmou.

SAIBA MAIS
O hospital Amaral Carvalho é referência em oncologia e transplantes de medula óssea. O HAC realiza anualmente mais de 13 mil atendimentos na ala pediátrica: com cerca de 2,7 mil aplicações de quimioterapia, 800 cirurgias, mil internações e mais de 70 mil exames de imagem e laboratoriais.
Entre as atividades desenvolvidas do Setembro Dourado, O Hospital Amaral Carvalho irá distribuir uma cartilha para alertar as crianças e os pais sobre a importância do diagnóstico precoce. 

 

Autor: Fernando Schwarz