Faça sua Doação Faça sua doação para o Amaral Carvalho, o Hospital do Câncer que trabalha com ética e transparência na luta pela vida.

18/01/2019 - Hospital Amaral Carvalho aumenta em 60% procedimentos a moradores de Matão e região

    Em um dos exames de rotina, no início do ano passado, Lourenço Honorato dos Santos (79) recebeu o diagnóstico de câncer de próstata. Encaminhado ao Hospital Amaral Carvalho (HAC) em Jaú/SP, a pouco mais de 100 km de Matão, onde mora, começou o tratamento confiante.
   Nesta semana, se hospedou pela primeira vez em uma casa de apoio mantida pelo hospital, para não ter que viajar todos os dias para as sessões de radioterapia. “Seria muito desgastante, ainda bem que tem esse lugar e essa equipe maravilhosa para nos acolher”, afirmou.
   Ele é um dos 332 pacientes das proximidades de Matão atendidos pelo HAC em 2018. Um levantamento realizado pela instituição apontou crescimento de 60% do número de procedimentos com relação ao ano anterior. “Foram aproximadamente seis mil cirurgias, quimioterapias e outros cuidados a pessoas dessa região”, destaca o diretor de Transparência e Imagem Institucional, Fernando Schwarz.
   Anualmente, milhares de brasileiros vêm ao Amaral Carvalho para tratamento. Excelência em saúde, além do investimento em tecnologias e ampliações, o hospital oferece completa estrutura de apoio. “Promovemos melhorias contínuas para garantir o conforto e segurança dos pacientes. Para isso, contamos com recursos governamentais e doações da sociedade, com campanhas de arrecadação de produtos, iniciativas de voluntários, e contribuições financeiras através da nossa central de telemarketing”, exemplifica o diretor.
   Cada contribuição é de extrema importância para a continuidade dos serviços de saúde, e o senhor Lourenço sabe bem disso. “Eu mesmo faço uma doação mensal. Não é muito, mas se cada um fizer um pouco, nada vai faltar a quem precisa desse hospital”. 


Na casa de apoio do HAC, Seu Lourenço comemora: "ainda bem que tem esse lugar e essa equipe maravilhosa para nos acolher".

Autor: Ariane Urbanetto