29/5/2017 - Corrente do bem: corumbataenses arrecadam leite para o HAC

                                                                            FOTOS: Ariane Urbanetto Andrioli

Mario Jozé e Marilene

    Alguns gestos parecem simples, mas podem iniciar grandes transformações. Sem saber da proporção que teria sua ação, um simpático casal de Corumbataí/SP deu início a uma corrente do bem em prol do Hospital Amaral Carvalho (HAC).
   Mario Jozé Galdini e Marilene Canhone Galdini celebraram suas bodas de ouro – 50 anos de casamento, com uma grande festa, no dia 6 de maio. Em vez de presentes, sugeriram aos convidados que doassem leite. “Pensei, vamos ganhar muitas coisas, mas temos tudo o que necessitamos para viver, então, podemos ajudar quem precisa”, conta o senhor.
   Nenhum deles precisou dos serviços do hospital, nem seus familiares ou amigos. Mas, como sabem que muitos corumbataenses se tratam na instituição, quiseram colaborar. Só no dia do evento, arrecadaram 75 caixinhas de leite, item usado em grande quantidade nas Casas de Apoio aos pacientes do HAC. Essa história bacana poderia ter terminado por aí, contudo, quando os amigos Marcelo Doimo e Geumarques Raimundo de Souza souberam da campanha, resolveram ajudar também.
   Geu, como é chamado, trabalha com estética automotiva e costuma sortear alguns serviços. “No final do ano passado, tinha começado uma ação entre os amigos que não consegui concluir, por causa da correria. Juntamos a quantia em dinheiro dessa rifa e o valor doado pelo Marcelo e compramos mais leite”, comenta.
   Outras pessoas da cidade, sensibilizadas com o gesto, também doaram e foi um sucesso. No dia 26, o HAC recebeu duas cestas básicas e 2.156 litros de leite, fruto da corrente que começou com o casal. “Nossa maior alegria é poder ajudar. Agradecemos a população de Corumbataí que participou: juntos, fizemos o bem”, ressalta dona Marilene.


Doação entregue ao Hospital Amaral Carvalho

Autor: Ariane Urbanetto Andrioli