23/1/2017 - Doações impulsionam assistência social no Hospital Amaral Carvalho

    Com atendimento anual de 75 mil pacientes, em média, vindos de todos os Estados brasileiros, o Hospital Amaral Carvalho (HAC) presta serviços de saúde de qualidade e prioriza ações de humanização.
   Para oferecer suporte aos usuários que precisam permanecer em Jaú/SP durante o tratamento mantém Casas de Apoio com hospedagem e alimentação gratuitas. Esse tipo de assistência é possível graças às doações de empresas e pessoas sensibilizadas com a causa.
   É o caso dos voluntários do Renascendo Sorrisos, de Matão/SP, que há mais de dois anos realiza campanhas para ajudar o hospital e outras entidades. No sábado (21), integrantes estiveram na instituição para entrega de doação de aproximadamente 670 litros de leite.
   De acordo com Kadu Ribeiro, um dos articuladores do grupo, uma fábrica de suco realizou campanha entre os funcionários para arrecadar o produto e doou a associações da cidade. “Fomos contemplados com 775 litros e escolhemos beneficiar o Hospital Amaral Carvalho de Jaú e duas entidades de Matão, pelo belo trabalho que desenvolvem”, disse.
   O diretor de Apoio Social do HAC, Eduardo Tadeu Guedes Piragino, explica que o leite será utilizado para consumo dos pacientes internados, ambulatoriais e os que ficam nas Casas de Apoio. “O consumo mensal ultrapassa 5 mil litros por mês, por isso, somos muito gratos ao Renascendo Sorrisos pela importante contribuição”.


Doação de leite dos voluntários Renascendo Sorrisos

Saiba mais
O Hospital Amaral Carvalho é uma centenária instituição de saúde reconhecida pela qualidade de tratamento e assistência social a pacientes vindos de todo o País, além de ser o centro que mais realiza transplantes de medula óssea.
Anualmente, atende, em média, 75 mil pacientes e efetua mais de 1 milhão de procedimentos, como quimioterapia e radioterapia. Em 2016, teve custo de R$ 221 milhões.
Para manter os serviços de qualidade, conta com apoio dos governos, empresas parceiras e doações da comunidade. Todo valor arrecadado destina-se a investimentos em equipamentos, compra de materiais e medicamentos, custeio e manutenção das Casas de Apoio.
Acesse http://migre.me/vNpoZ e veja como contribuir.

Autor: Ariane Urbanetto / Foto: Beatriz Milanez