6/11/2016 - Pacientes alertam homens

O diagnóstico precoce ainda é a melhor maneira para o tratamento. Fazer exames periódicos garante altas chances de cura. De acordo com Instituto Nacional do Câncer (Inca), a enfermidade tem 90% de chances de cura, caso seja descoberta precocemente.
O aposentado Joaquim Alves Barbosa, 74 anos, fazia parte do programa de prevenção do Hospital Amaral Carvalho (HAC) de Jaú. Ele descobriu a doença em 2012 e já fez a cirurgia para retirada do tumor. “Acho importante fazer exames periódicos, pois, assim não deixamos passar o problema”, comenta.
Natural de Torrinha, o aposentado Pedro Benedicto Redondo, 73 anos, fez a cirurgia para retirada do tumor da próstata há três anos e dois meses e realiza retornos períodos ao médico para acompanhar sua saúde.
Ele não sentia nenhum sintoma específico da doença e a recuperação pós-cirúrgica durou três meses. “Na minha cidade vejo pessoas jovens que não fazem esse acompanhamento no médico para o rastreamento da doença. Comecei a ir ao médico aos 50 anos e recomendo que todo mundo vá para prevenção”, explica. (ACM)

Galeria de imagens e vídeosclique na imagem para ampliar

Fonte: Comércio do Jahu

URL: http://migre.me/vs0gb