17/11/2015 - Presidente da Avapac é escolhida voluntária do ano na festa do centenário do Hospital Amaral Carvalho

Rosas na lapela e chapéus dourados. Assim, 23 integrantes da Avapac prestigiaram a 19ª Festa dos Voluntários organizada pelo Hospital Amaral Carvalho, no último dia 7, no Caiçara Clube, em Jaú. O evento também comemorava o centenário do Hospital, por isso o dourado prevaleceu como cor em muitos grupos – mais de 90 – presentes à festa, com um total aproximado de mais de duas mil pessoas.

Os voluntários foram recepcionados pelos Remédicos do Riso, clowns que também prestam serviço voluntário ao Amaral Carvalho, e pela banda Cool Grass Blue Gang. Depois participaram de um café da manhã e do baile Anos Dourados, animado pela banda Fly By Night. Em seguida assistiram ao cerimonial, marcado por discursos emocionantes, como o do superintendente do Amaral Carvalho, Antonio Luís Cesarino de Moraes Navarro: “Hoje é dia de festa. E de uma festa merecida, porque é com essa mesma alegria e essa mesma disposição que vocês, voluntários, atendem a milhares de pacientes e permitem que eles tenham um tratamento cada vez mais adequado, cada vez mais esperançoso e que tenham cada vez mais vida”.

Após os pronunciamentos, o coach motivacional Wellignton Marinho realizou palestra e interagiu com o público. O médico do HAC Guilherme Antonio Cestari Filho, primeiro cirurgião de cabeça e pescoço do Estado de São Paulo, também foi laureado durante o evento. No hospital desde 1970, ele muito contribuiu com os bons resultados e serviços de qualidade oferecidos pela instituição. “Agradeço imensamente ao Amaral Carvalho pela homenagem e à minha família, que sempre me apoiou. Estamos agora nos preparando para o maior desafio da especialidade desde 1873: a reconstrução da laringe. Nossa intenção (setor de cabeça e pescoço, tórax e bucomaxilofacial) é iniciar as tentativas de reconstrução da laringe para não deixarmos nossos pacientes com traqueostoma definitivo”, anunciou.

Mas, o momento mais marcante para os voluntários da Avapac foi o anúncio do prêmio de voluntário do ano para Mariza Helena Cortezi Buccironi, presidente da Associação de Voluntários de Apoio ao Paciente de Câncer (Avapac), de Dracena. “É para Deus nossa obra. E o hospital Amaral Carvalho nos dá a chance de trabalharmos para o próximo”, declarou emocionada.

As ligas de combate ao câncer que completaram 10 e 15 anos de cuidados e acompanhamento aos pacientes que se tratam no hospital receberam certificado, e foram premiados os grupos das cidades de Iporanga, pela animação, e de Garça, por estar melhor caracterizado para a festa Anos Dourados.

O momento mais animado da festa foi quando o cantor Agnaldo Rayol, cuja participação foi mantida em sigilo até a hora do show, apareceu no palco. Aos 78 anos, cantou os grandes sucessos de sua carreira e levou o público ao delírio. “Em primeiro lugar gostaria de desejar toda a felicidade do mundo para o Amaral Carvalho, que completa 100 anos. Que a entidade, que tanto faz em prol daqueles que precisam de ajuda, continue contando com aqueles que têm o coração consciente na bondade e na fraternidade. E que essa ajuda seja sempre oferecida de uma maneira carinhosa, com muito amor, porque isso é o que vale. Foi um privilégio estar junto dessas pessoas e de certa forma colaborar um pouquinho com meu canto, minha arte, com aquilo que Deus me deu como dom”, ressaltou o cantor. (Com informações da Avapac)

Galeria de imagens e vídeosclique na imagem para ampliar

Fonte: Portal Regional

URL: http://migre.me/sxCh9