1/10/2015 - Citometria de Fluxo do Amaral Carvalho recebe certificação internacional

   Referência nacional em tratamento oncológico, o Hospital Amaral Carvalho mantém o laboratório de Citometria de Fluxo, responsável pelos exames de classificação de leucemias e linfomas, cujos resultados implicam na diferenciação do processo terapêutico, conforme o subtipo diagnosticado. A unidade também realiza pesquisa de doença residual mínima, que é um dos fatores mais importantes na avaliação da efetividade do tratamento dessas doenças.
   Em junho, o laboratório recebeu certificação do EuroFlow, um consórcio de universidades européias criado para o desenvolvimento e padronização da citometria de fluxo em diversos países. De acordo com a coordenadora do setor, a hematologista Maura Valério Ikoma, essa foi a primeira avaliação realizada com serviços de fora do grupo europeu. “Poucos laboratórios foram convidados a participar, o que foi uma honra para Laboratório de Citometria do Amaral Carvalho”, relata.
   A profissional explica que uma equipe especializada analisou o desempenho de cada laboratório em diversos parâmetros. “Apresentamos resultados adequados dentro da média estabelecida, e dentre os demais participantes, mais um motivo de orgulho para a instituição”.
   Para a médica, o reconhecimento demonstra a alta qualidade do serviço oferecido aos usuários, além da confiabilidade dos resultados, o que beneficia os pacientes que necessitam desses exames diagnósticos.
   O protocolo Euroflow é utilizado pela equipe de citometria de fluxo do Amaral Carvalho desde 2012, quando a doutora Maura estagiou na Universidade de Salamanca e trouxe a nova tecnologia para o laboratório.


Equipe do laboratório de Citometria de Fluxo: alta qualidade do serviço oferecido aos usuários,
além da confiabilidade dos resultados

Autor: Ariane Urbanetto / Foto: Ana Candelaria