27/6/2015 - Pacientes: autoestima

Pacientes que se submetem à cirurgia bariátrica e seguem as orientações médicas e da equipe multidisciplinar no pós-operatório costumam apresentar bons resultados visíveis, que culminam no aumento da autoestima.

Foi o que aconteceu com o administrador Rodrigo Serrano Mello, 37 anos, que foi submetido à intervenção em 2013 no Hospital Amaral Carvalho. Ele teve problema com obesidade desde o fim da adolescência. Procurou médicos, fez dietas e conseguia emagrecer, mas sempre ficava no chamado efeito sanfona.

Quando chegou aos 160 quilos (muito para seu 1,80 metro de altura) e passou a sentir fortes dores nos joelhos por conta do excesso de peso, resolveu operar. “Deu tudo certo, tive poucos efeitos colaterais porque estava preparado. Hoje estou com 92 quilos e todos falam que não preciso emagrecer mais”, comemora Mello, que agora se preocupa em manter a saúde com natação, caminhada, academia e alimentação correta.

Já a auxiliar financeiro Patricia de Oliveira Campos, 32 anos, pesou 117 quilos antes de passar pela cirurgia bariátrica, há três anos e meio. “Tive problemas com peso desde pequena. Quando vi que a vida de outras pessoas melhorou depois da cirurgia, fui atrás também”, relembra.

Agora, com 60 quilos e após remoção de excesso de pele, a qualidade de vida de Patricia deu um salto. “Minha vida é outra. Já não tenho mais dores, faço caminhada e me alimento de forma correta. Antes, não tinha vontade nem de sair de casa”, pontua.

Galeria de imagens e vídeosclique na imagem para ampliar

Fonte: Jornal Comércio do Jahu

URL: http://migre.me/rfni9